Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/1822/15220

TitleAgendas públicas, agendas de investigação e a prisão como objecto etnográfico
Author(s)Cunha, Manuela Ivone P. da
KeywordsSocial problems
Social relevance
Ethnography
Prison
Theory
Applied research
Problemas sociais
Relevância social
Etnografia
Prisão
Investigação aplicada
Issue date2011
PublisherFernando Mão de Ferro
Abstract(s)A relevância social de uma investigação ou a sua “utilidade” não deve ser aferida por um padrão estritamente instrumental e não deve assentar numa coincidência necessária entre agenda pública e agenda de investigação. Como podem então ser pensados os contornos e o âmbito possível da relevância social da investigação versando sobre temas cuja percepção pública os define como “problemas sociais”? Com base na minha pesquisa etnográfica sobre instituições prisionais e em outros exemplos, proponho que esses contornos sejam sempre, antes de mais, os que decorrem do papel estruturador da teoria na investigação empírica, de molde a salvaguardar a possibilidade da renovação dos próprios termos em que os futuros “diagnósticos” desses mesmos problemas venham a ser feitos.
TypeBook part
URIhttps://hdl.handle.net/1822/15220
ISBN978-989-689-118-3
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:CRIA-UMinho - Livros e Capítulos de Livros

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AgenPubCunha.pdf88,58 kBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID