Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/1822/53139

TitleAvaliação de resíduos poliméricos pós-industriais e pós-consumo à base de poliolefinas para moldação por injeção
Other titlesEvaluation of post-industrial and post-consumer polyolefin-based polymer waste streams for injection moulding
Author(s)Hubo, Sara
Ragaert, Kim
Leite, Luis
Martins, Carla I.
Keywordspolímeros reciclados
moldarão por injeção
poliolefinas
Issue dateJan-2015
PublisherAssociação Nacional da Indústria de Moldes (CEFAMOL)
JournalO Molde
Abstract(s)Do ponto de vista económico, os polímeros reciclados são uma matéria-prima interessante para o uso em moldação por injeção. Estes são mais baratos do que os materiais virgens e a sua utilização contribui para o desenvolvimento de produtos sustentáveis. O presente estudo foca-se em poliolefinas obtidas por essa via. Geralmente distinguem-se os fluxos de materiais secundários de acordo com a sua origem, como pós-industrial (PI, consistindo na moagem de resíduos de produção) ou pós-consumo (PC, consistindo em moagem de produtos usados de consumo). Dentro dos materiais pós-industriais pode ainda fazer-se a distinção adicional entre materiais relativamente puros, de elevada qualidade, de origens conhecidas, como os reciclados a partir de caixas de cerveja e equipamentos domésticos. Os pós-consumo são materiais contaminados (principalmente com outros polímeros) obtidos a partir de embalagens, que geralmente contêm quer polipropileno (PP), quer polietileno (PE) e são denominados misturas de poliolefinas (MPO). As complicações que surgem frequentemente com amostras de poliolefinas recicladas são a contaminação, a composição inconsistente ou desconhecida, alterações no fluxo e as reduzidas propriedades mecânicas. A última é muitas vezes atribuída à incompatibilidade entre o PP e o PE em fundido, o que leva à separação de fases e fragilização do produto. Neste estudo, são analisadas várias amostras de resíduos de poliolefinas disponíveis industrialmente, tanto PI como PC na sua origem e avaliadas quanto à sua composição, processamento e propriedades mecânicas.
TypeArticle
URIhttps://hdl.handle.net/1822/53139
ISSN1647-6557
Peer-Reviewedyes
AccessRestricted access (Author)
Appears in Collections:IPC - Outras publicações/Other publications

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
3.pdf
  Restricted access
13,58 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID