Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/1822/39793

TitleSistemas solares e arquitetura: uma relação holística
Author(s)Silva, Anabela Antunes da
Advisor(s)Mateus, Ricardo
Mendonça, Paulo
KeywordsSistemas solares
Integração arquitectónica
Relação holística
Solar systems
Architectural integration
Holistic relationship
Issue date2015
Abstract(s)O elevado consumo de energia nos edifícios, no contexto da UE, representa 40% do total de energia primária, carenciando, desta forma, de um desenvolvimento de sistemas energéticos alternativos de maior eficiência. Os sistemas solares (térmicos, fotovoltaicos e híbridos) assumem especial relevância nesta mudança. Não obstante, este tipo de sistemas são geralmente montados sobre os elementos construtivos (coberturas e fachadas) sem qualquer tentativa de integração arquitectónica, criando e despertando desafios estéticos. A questão em torno da integração arquitectónica de sistemas de aproveitamento de energia solar em edifícios implica um inegável confronto entre tecnologias e desenho arquitectónico. É, por isso, importante que na sequência das leis e medidas que promovem a instalação de painéis solares – SCE, REH e RECS, o progresso não seja visto unicamente como uma expressão quantitativa, mas também qualitativa, permitindo uma relação holística entre a arquitetura e os sistemas solares. Pretendendo estimular o reconhecimento de potencialidades na relação holística entre painéis solares e arquitetura, esta investigação centra-se no estudo de critérios que condicionam e são condicionados, apresentando de forma paralela exemplos de edifícios que representam práticas recomendáveis, acreditando que só um conhecimento teórico possibilitará uma nova reinterpretação por arquitetos e utilizadores. Extraindo os resultados das análises de diversos exemplos de integração arquitectónica de sistemas solares, esses mesmos conhecimentos serão aplicados em três casos de estudo de carácter díspar, a fim de dar resposta a necessidades distintas. Com isto, o objetivo é estimular o pensamento estratégico e uma reinterpretação na integração arquitectónica de sistemas solares em edifícios.
The EU's high building energy consumption represents a staggering 40% of the primary energy total, lacking a developmnent for more efficient alternative energy systems. Solar systems (termic, photovoltaic and hybrid) have a very relevant place in this change. These types of systems are made over building elements (roofings and facades) without any atempt of architectural integration, creating new aesthetic challenges. The argument behind the solar's systems architectural integration in buildings creates an unavoidable confrontation between tecnolgy and architectural design. It's important that the progress isn't merely seen as a quantative expression but as a qualitative improvement, specially regarding laws and measure that promote the instalation of solar pannels (such as SCE, REH and RECS). With the intent of unleashing the potencial in the holistic relationship between solar pannels and architecture, this project focuses on the study of criteria that condition and are conditioned by them, presenting examples of buildings that meet the recommended practices, guided by a belief that theoretical knowledge will allow a new reinterpretation by architects and users. By extracting the results of the multiple solar systems architectural integration examples, that knowledge will be applied in three different case studies, in an attempt to provide mutiple answers to distinct needs. The goal is to stimulate strategic thinking and a reinterpretation in buildings solar system's architectural integration.
TypeMaster thesis
DescriptionDissertação de mestrado integrado em Arquitectura
URIhttps://hdl.handle.net/1822/39793
AccessRestricted access (UMinho)
Appears in Collections:BUM - Dissertações de Mestrado
EAAD - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TESE_Anabela Antunes da Silva_2015.pdf
  Restricted access
47,18 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID