Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/1822/63473

TitleAtitudes, barreiras e práticas face à enfermagem baseada na evidência: uma revisão sistemática da literatura
Author(s)Pereira, Rui Pedro Gomes
Guerra, Ana Cristina Pinheiro
KeywordsPrática baseada na evidência
Atitudes, barreiras e práticas
Issue date2012
PublisherAssociação Portuguesa de Enfermeiros
Abstract(s)Enquadramento conceptual: A Enfermagem Baseada em Evidência (EBE) afigura-se como uma forma coerente, segura e organizada de estabelecer práticas que, em regra, assumir-se-ão como as mais adequadas, com previsível garantia dos melhores resultados, otimizando os recursos disponíveis, de acordo com a participação ativa dos envolvidos nos processos terapêuticos e de tomada de decisão. Problema de investigação: De acordo com a investigação produzida, quais as atitudes, barreiras e práticas predominantemente percecionadas pelos enfermeiros face à EBE? Método, procedimentos de recolha e de análise de dados: A revisão sistemática da literatura incidiu na procura de documentos e questionários relacionados com a medição de atitudes, barreiras e práticas face à EBE nas seguintes bases de dados: PubMed, CINAHL, ScIELO e EBSCO. A pesquisa foi realizada em Inglês e em Português utilizando descritores MeSH. Foram selecionados todos os trabalhos em texto integral que descrevessem estudos visando medir as atitudes, barreiras e práticas dos enfermeiros face à EBE. Resultados e conclusões: Múltiplos estudos (primários e revisões), apontam para um consenso alargado que concerne às dimensões estruturais em análise, nomeadamente no que se refere às atitudes, às barreiras e às práticas baseadas em evidência. Com esta informação afigura-se como mais exequível o estabelecimento de uma EBE e não em tradições, hábitos e rotinas. Este é um imperativo para corresponder à responsabilidade social da profissão, mas também porque aumenta a credibilidade desta entre as disciplinas da saúde e ainda, para através da construção de uma enfermagem baseada no conhecimento, poder influenciar positivamente as políticas de saúde.
TypeAbstract
URIhttps://hdl.handle.net/1822/63473
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:ESE-CIE - Livros de atas / Papers in conference proceedings

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Livro resumos_Repositorium.pdf140,47 kBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID