Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/1822/72259

TitleValores geomorfológicos em áreas protegidas: o caso da Serra da Penha / Guimarães (Portugal)
Other titlesGeomorphological values in protected areas: the case of Serra da Penha / Guimarães (Portugal)
Author(s)Vieira, António
Costa, Francisco da Silva
Corrêa, Letícia
KeywordsPatrimónio Geomorfológico
Geoconservação
Paisagem protegida
Serra da Penha
Geomorphological heritage
Geoconservation
Protected landscape
Issue date31-Dec-2019
PublisherUMinho Editora
JournalPhysis Terrae: Revista Ibero-Afro-Americana de Geografia Física e Ambiente
Abstract(s)A Serra da Penha localiza-se no município de Guimarães, atingindo os 613 metros de altitude e incluindo uma área verde de 50 hectares que, devido às suas características naturais, constitui um dos grandes pontos de atração turística municipal. No contexto das estratégias ambientais que têm vindo a desenvolver, a Câmara Municipal de Guimarães está a elaborar a classificação da Serra da Penha como Paisagem Protegida Local, proposta esta que deve ser entendida como uma medida de proteção e de valorização. Entre os valores naturais da Serra da Penha destacamos os valores geomorfológicos e geológicos, definidos como geossítios no Plano Diretor Municipal de Guimarães. A Serra da Penha apresenta um elevado valor e interesse geológico devido à sua natureza granítica, integrando também um conjunto diversificado de elementos geomorfológicos, com destaque para os grandes blocos dispersos nas vertentes (as penhas) e que podem vir a constituir um importante geopatrimónio a valorizar. A diversidade destes elementos é significativa, podendo-se encontrar blocos graníticos associados em formas diversificadas, com um arranjo particular, com configurações antropomórficas ou associados a determinados aspetos culturais e/ou religiosos, como seja o “penedo que abana”, o “penedo suspenso” ou a gruta do ermitão. Assim, procuramos analisar a relevância dos valores geomorfológicos no âmbito do Geopatrimónio e seu enquadramento no processo de candidatura da Serra da Penha como Paisagem Protegida Local.
The Serra da Penha or Monte de Santa Catarina is located in the municipality of Guimarães, reaching 613 meters of altitude and including a green area of 50 hectares which, due to its natural characteristics, it’s one of the great points of municipal tourist attraction. In the context of environmental strategies that have been developed, the Guimarães City Council is preparing the classification of the Serra da Penha as Local Protected Landscape, a proposal that should be understood as a measure of protection and valorization. Among the natural values of the Serra da Penha we highlight the geomorphological and geological values, defined as geosites in the Municipal Master Plan of Guimarães. The Serra da Penha has a high geological value and interest due to its granitic nature, also integrating a diverse set of geomorphological elements, highlighting the large blocks scattered in the slopes (the penhas) and which may constitute an important geoheritage to value. The diversity of these elements is significant and one can find associated granitic blocks in diverse shapes, with a particular arrangement, anthropomorphic configurations or associated with certain aspects, cultural and/or religious, such as the “waving rock”, the “suspended rock” or the hermit's cave. With this work, we seek to analyze the relevance of geomorphological values within the Geoheritage and its framing in the application process of Serra da Penha as Local Protected Landscape.
TypeArticle
URIhttps://hdl.handle.net/1822/72259
DOI10.21814/physisterrae.2404
Publisher versionhttps://doi.org/10.21814/physisterrae.2404
Peer-Reviewedyes
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - CIÊNCIAVITAE

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Vieira_et_al._2019.pdf3,67 MBAdobe PDFView/Open

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID