Please use this identifier to cite or link to this item: https://hdl.handle.net/1822/75723

TitleNarrativas jornalísticas sobre o dia do fogo na Amazônia (2019-2020): o caso da Folha de S. Paulo (Brasil) e do Público (Portugal)
Other titlesJournalistic narratives about the day of the fire in the Amazon (2019-2020): the case of Folha de S. Paulo (Brazil) and Público (Portugal)
Author(s)Braga, Thaís Luciana Corrêa
Advisor(s)Marinho, Sandra
KeywordsAmazônia
Folha de S. Paulo
Narrativas jornalísticas
Público
Tripla mímesis
Amazon
Journalistic narratives
Triple mímesis
Issue date26-Jan-2022
Abstract(s)Como palavra social que promove a interlocução mediada entre diferentes atores, o jornalismo permite a observação da sociedade e o compartilhamento de determinadas concepções. Como profissão, forja se com base em valores, rotinas e práticas, geralmente instituídos em torno da redação, cujo produto é um discurso específico (objetivo, singular, autoral e ideológico). Apreendido ao longo do tempo, este discurso faculta a construção de narrativas. Em concordância com estas premissas, objetivou-se identificar e compreender quais foram as estratégias de construção das narrativas jornalísticas sobre o dia do fogo na Amazônia. O cenário refere-se aos incêndios florestais de agosto de 2019, que se espalharam da Amazônia Legal para além das fronteiras brasileiras. Inserida no paradigma interpretativo, adotou-se a fenomenologia hermenêutica, desenvolvida pelo filósofo Paul Ricoeur, como postura epistêmica e teórico-metodológica. A ideia de tripla mímesis estruturou a investigação, desde a articulação dos principais conceitos até a apresentação do caso. Selecionaram-se os jornais de língua portuguesa Folha de S. Paulo (Brasil) e Público (Portugal) para a observação e análise do dia do fogo na Amazônia. Por meio de amostragem não probabilística por casos típicos, constituiu-se um corpus com 60 textos do jornal brasileiro e 61 textos do jornal português. Utilizaram-se a observação direta (grelha de análise) e observação indireta (entrevistas semiestruturas em profundidade com os principais jornalistas envolvidos no caso) como instrumentos de recolha dos dados. Apoiou-se nas técnicas análise de enquadramento e análise pragmática da narrativa jornalística para o exame das informações. Concluiu-se que, para construir seus discursos sobre o dia do fogo na Amazônia, ambos os jornais se apoiaram maioritariamente em fontes de informações rotineiras, como as instituições de pesquisa brasileiras e os perfis nos media sociais (Twitter e Instagram) de líderes mundiais. Igualmente, as práticas jornalísticas da Folha de S. Paulo e do Público reforçaram a importância da objetividade para a interpretação dos fenômenos sociais, bem como a dependência das agências de notícias para a obtenção de imagens. No periódico brasileiro, prevaleceu o sentido de que os crimes ambientais na Amazônia são impunes, sobretudo com o consentimento do presidente Jair Bolsonaro (2019-atual). Já, no periódico português, evidenciou-se a ideia de que é preciso salvar a Amazônia para as gerações seguintes.
As a social word that promotes mediated dialogue between different actors, journalism allows the observation of society and the sharing of certain conceptions. As a profession, it is forged based on values, routines and practices, generally established around the newsroom, whose product is a specific discourse (objective, singular, authored and ideological). Seized over time, this discourse allows for the construction of narratives. In accordance with these premises, the objective was to identify and understand what the construction strategies of journalistic narratives about the day of fire in the Amazon were. The scenario refers to the forest fires of August 10, 2019, which spread from the Legal Amazon beyond the Brazilian borders. Inserted in the interpretive paradigm, the hermeneutic phenomenology, developed by the philosopher Paul Ricoeur, was adopted as an epistemic and theoretical-methodological posture. The idea of triple mímesis structured the investigation, from the articulation of the main concepts to the presentation of the case. The Portuguese-language newspapers Folha de S. Paulo (Brazil) and Público (Portugal) were selected for the observation and analysis of the day of fire in the Amazon. Through non probabilistic sampling of typical cases, a corpus with 60 texts from the Brazilian newspaper and 61 texts from the Portuguese newspaper was constituted. Direct observation (analysis grid) and indirect observation (in-depth semi-structured interviews with the main journalists involved in the case) were used as data collection instruments. The techniques of framing analysis and pragmatic analysis of journalistic narrative were used to examine the information. It was concluded that, to build their discourses on the day of fire in the Amazon, both newspapers relied mostly on routine news sources, such as Brazilian research institutions and the profiles on social networks (Twitter and Instagram) of world leaders. Likewise, the journalistic practices of Folha de S. Paulo and Público reinforced the importance of objectivity for the interpretation of social phenomena, as well as the dependence of news agencies to obtain images. In the Brazilian newspaper, the sense that environmental crimes in the Amazon go unpunished prevailed, especially with the consent of President Jair Bolsonaro (2019-present). In the Portuguese newspaper, however, the idea that it is necessary to save the Amazon for the following generations became evident.
TypeDoctoral thesis
DescriptionTese de doutoramento em Ciências da Comunicação (linha de pesquisa Média e Jornalismo)
URIhttps://hdl.handle.net/1822/75723
AccessOpen access
Appears in Collections:BUM - Teses de Doutoramento
CECS - Teses de doutoramento / PhD theses

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TESE_final (1).pdf4,36 MBAdobe PDFView/Open

This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons

Partilhe no FacebookPartilhe no TwitterPartilhe no DeliciousPartilhe no LinkedInPartilhe no DiggAdicionar ao Google BookmarksPartilhe no MySpacePartilhe no Orkut
Exporte no formato BibTex mendeley Exporte no formato Endnote Adicione ao seu ORCID